• Nova Folha Regional

Região registra sete óbitos e volta a bandeira vermelha


Nesta semana, Guaíba e Eldorado do Sul registraram sete óbitos por coronavírus. Guaíba já registrou 31 mortes, cinco foram nesta nesta semana. Na segunda, 31, morreu um homem 75 anos, com histórico de diabetes e doença cardiovascular crônica. O paciente estava internado há 15 dias no Hospital Berço Farroupilha.

Outros quatro casos foram divulgados na quinta e sexta, 4 de setembro.

- Uma senhora, de 60 anos, com histórico de AVC e doença cardiovascular crônica. A paciente estava internada há 18 dias no Hospital Santa Ana, em Porto Alegre.

-Uma senhora de 83 anos, com histórico de doença cardiovascular crônica. Ela estava internada há 14 dias no Hospital Berço Farroupilha.

-A outra paciente, uma senhora, de 75 anos, com histórico de diabetes e doença cardiovascular crônica. Estava internada há 3 dias no Hospital Berço Farroupilha.

-O outro óbito, também uma senhora, de 80 anos, com histórico de imunodepressão e doença cardiovascular crônica. A paciente estava internada há 44 dias no Hospital Ernesto Dornelles, em Porto Alegre.


A cidade já realizou 3110 testes, tendo registrado 1233 casos, 801 recuperados, 384 em isolamento e 17 hospitalizados. O Hospital Berço Farroupilha tem dois hospitalizados na UTI e dois em leitos clínicos.


Eldorado do Sul teve mais duas vítimas do coronavírus, totalizando 20 óbitos. As vítimas foram um homem, 46 anos, morador da Sans Souci e uma mulher, 40 anos, moradora do Progresso. Barra do Ribeiro tem sete óbitos e Mariana Pimentel, duas mortes. A região soma 60 mortes.


Volta a bandeira vermelha

Depois de uma semana predominantemente laranja, o mapa do Rio Grande do Sul voltou a avermelhar nesta 18ª rodada do modelo Distanciamento Controlado. O mapa preliminar traz 12 regiões em bandeira vermelha (risco epidemiológico alto para Covid-19). As outras nove estão em bandeira laranja (risco epidemiológico médio).


Capão da Canoa, Taquara, Novo Hamburgo, Canoas, Guaíba, Porto Alegre, Palmeira das Missões, Erechim, Santa Cruz do Sul, Lajeado, Santo Ângelo e Cruz Alta são as 12 regiões classificadas em vermelho nesta 18ª rodada.

É um cenário de piora dos indicadores em comparação com o resultado do mapa definitivo divulgado na segunda-feira (31/8), quando quatro regiões haviam sido classificadas em vermelho: Santo Ângelo, Cruz Alta, Ijuí e Santa Rosa. As regiões Covid de Capão da Canoa, Erechim, Palmeira das Missões, Cruz, Guaíba e Lajeado foram as que apresentaram piora mais significativa nos últimos sete dias.

As regiões de Porto Alegre, Guaíba, Canoas e Novo Hamburgo aparecem novamente com bandeira vermelha, pois a macrorregião Metropolitana teve redução do número de leitos livres de UTI nesta última semana.

DESTAQUES DA 18ª RODADA • número de novos registros de hospitalizações por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) de confirmados para Covid-19 aumentou 1% entre as duas últimas semanas (de 1.061 para 1.067); • número de internados em UTI por SRAG reduziu 4% no Estado entre as duas últimas quintas-feiras (de 944 para 910); • número de internados em leitos clínicos com Covid-19 no RS aumentou 10% entre as duas últimas quintas-feiras (de 850 para 935) • número de internados em leitos de UTI com Covid-19 no RS reduziu 1% entre as duas últimas quintas-feiras (de 714 para 710); • número de leitos de UTI adulto livres para atender Covid-19 no RS ficou estável entre as duas últimas quintas-feiras (de 597 para 598); • número de casos ativos aumentou 33% entre as duas últimas semanas (de 7.382 para 9.799); • número de óbitos por Covid-19 reduziu 3% entre as duas últimas quintas-feiras (de 327 para 317).

As regiões com maior número de novos registros de hospitalizações nos últimos sete dias, por local de residência do paciente, são Porto Alegre (286), Caxias do Sul (127), Passo Fundo (97), Canoas (84) e Pelotas (79).

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba nossas atualizações

51 99616 7059

  • Branca Ícone Instagram
  • arroba

© 2020 by Bittencourt Branding | Nova Folha Regional | All Rights Reserved