• Nova Folha Regional

Guaíba volta a bandeira laranja

No mapa preliminar da 39ª semana do Distanciamento Controlado, divulgado nesta sexta-feira, 29,

Guaíba voltou a bandeira laranja.

Macrorregião Metropolitana: Taquara, Novo Hamburgo, Canoas e Guaíba Impulsionadas pelos indicadores da macrorregião e também pelos individuais, as regiões de Taquara, Novo Hamburgo e Canoas tiveram sua bandeira alterada de vermelha para laranja no mapa preliminar desta 39ª rodada. Guaíba foi a única região que alterou em virtude dos indicadores da macrorregião, pois os indicadores individuais tiveram uma piora.


A Secretaria Municipal de Saúde de Guaíba informou, nesta sexta-feira,29, 41 novos casos de coronavírus. Guaíba tem 4.503 casos confirmados de coronavírus. Desse total, 4.206 são considerados recuperados e 168 estão em isolamento, além dos 112 óbitos. 106 exames aguardam análise no Lacen/RS ou Laboratório da UFRGS.

Hospitalizados: sexta-feira, 17 pacientes estavam hospitalizados.


VACINAS: Guaíba já recebeu três remessas que totalizam 910 doses da vacina contra a Covid-19. Na primeira remessa recebeu 194 doses, na segunda 286 e a terceira, 430.

Com as 910 doses aplicadas Guaíba terá cerca 1% da população vacinada, visto que crianças não tomarão vacinas. No Estado, o destino da terceira remessa de vacinas contra o coronavírus, recebida em 25 de janeiro, foi definido. O lote de 53,4 mil doses da CoronaVac, produzida pelo Instituto Butantan, em São Paulo, será enviado aos municípios nesta segunda-feira, 1 de fevereiro.. Na ocasião, também haverá entrega de outras 170,8 mil doses de CoronaVac recebidas na primeira remessa, reservadas para a segunda dose.


HOSPITAL: O prefeito de Guaíba Marcelo Maranata confirmou nesta semana a mudança na gestão do Hospital Berço Farroupilha. Segundo ele, até 10 de fevereirto, deve assumir o hospital a Associação Hospitalar Vila Nova, de Poa. Segundo ele, no novo contrato Guaíba deve economizar R$ 400 mil mensais. O contrato com a Associação Mahatma Gandhi era de R$ 1 milhão e 200 mil.

UTI fechada

Questionado sobre o fechamento das UTIS Covid-19, o prefeito de Guaíba disse que agora a prioridade é a vacina. Segundo ele, a questão das UTIs é com o Governo do Estado que deve saber se é necessário manter ou não as UTIs na cidade.”Agora nosso foco é a vacina”, observou.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba nossas atualizações

51 99616 7059

  • Branca Ícone Instagram
  • arroba

© 2020 - 2021 by Bittencourt Branding and Books | Nova Folha Regional | All Rights Reserved.