• Nova Folha Regional

Campanha Máscara Roxa é lançadana região Metropolitana

O


Comitê Gaúcho ElesPorElas da ONU Mulheres lançou na terça-feira,21, para 32 cidades do Rio Grande do Sul, a Campanha Máscara Roxa, que permite às mulheres vítimas de violência doméstica denunciarem seus agressores em farmácias. A atividade, realizada por videoconferência, contemplou as associações dos municípios do Vale do Rio dos Sinos (Amvars), da Região Metropolitana de Porto Alegre (Granpal) e do Vale do Paranhana (Ampara).


Nas três regiões, 29 cidades já possuem farmácias participantes.

O lançamento foi conduzido pelo deputado estadual Edegar Pretto, que coordena o Comitê Gaúcho ElesPorElas. Ele explicou que o objetivo do lançamento regional é engajar a sociedade civil para que dialogue com os proprietários e se possa ampliar o número de farmácias participantes – até o momento já são mais de 1.300 em todo o RS.

De acordo com Pretto, a Campanha Máscara Roxa foi motivada por uma recomendação da ONU, que identificou no mundo o aumento dos casos de violência contra as mulheres durante a pandemia do novo coronavírus. “É o período em que as vítimas passam mais tempo em casa com seus agressores devido à necessidade de isolamento social”.

Conforme o deputado, nesse contexto, a ONU orientou que seus países constituíssem políticas de enfrentamento e colocassem as farmácias como canais alternativos de denúncias, uma vez que, junto ao aumento, também foi constatada a subnotificação dos casos de violência doméstica. A compreensão é de que as mulheres não estão conseguindo pedir ajuda via meios tradicionais, como telefonemas, delegacia física ou até mesmo online. “O agressor costuma seguir os passos da vítima e faz a vigilância do aparelho telefone, quando não está de posse dele.”


Edegar Pretto ressaltou que essa realidade também é a do RS, que registrou um aumento de feminicídios durante esse período de isolamento. Nos meses de março, abril e maio, 28 mulheres foram assassinadas por questões de gênero, segundo dados da Secretaria de Segurança Pública do Estado. Somente em abril, o aumento foi de 66,7% em relação ao mesmo mês do ano passado. Ao todo, de janeiro a junho deste ano, 51 mulheres morreram vítimas de feminicídios no estado.

Como funciona a campanh Lançada no dia 10 de junho no RS, a Campanha Máscara Roxa permite que mulheres vítimas de violência doméstica façam denúncias em farmácias. Até o momento, 14 denúncias foram recebidas em farmácias de 12 municípios gaúchos: em Porto Alegre, Canoas, Venâncio Aires, Capão da Canoa, Casca, Bento Gonçalves, Pinhal, Rio Grande, Taquari, Carazinho, Santo Antônio da Patrulha e Capão do Leão.

Uma semana após o lançamento, ultrapassou o dobro do número inicial de farmácias com adesão. A campanha começou com 600 farmácias, e já são mais de 1.300 unidades de cinco redes envolvidas. Todas as farmácias com adesão estão com o selo “Farmácia Amiga das Mulheres”, que serve para que as vítimas as identifiquem.


Os atendentes receberam capacitação online para o procedimento e para garantir a segurança da vítima. Ao chegar na farmácia a mulher deve pedir a máscara roxa, que é a senha para que o atendente saiba que se trata de um pedido de ajuda. O profissional dirá que o produto está em falta e pegará alguns dados para avisá-la quando chegar. Após, o atendente da farmácia passará à Polícia Civil as informações coletadas, via WhatsApp, para que o órgão tome as medidas necessárias. Interessados devem entrar em contato com o Comitê: 51 991993641 | comite.gaucho.elesporelas@gmail.com

Lançamento com diversas representações
Presidenta do Conselho Municipal de Direitos da Mulher de Eldorado do Sul, Lia Silvana Ortiz disse que em tempos de pandemia é muito mais difícil para as mulheres e o poder público enfrentarem a violência doméstica. Ela complementou que, no caso das vítimas, ainda há a questão do constrangimento. “O forte dessa campanha é o sigilo que sem tem ao fazer a denúncia na farmácia. A mulher não denunciava antes pelo constrangimento que causava estar numa delegacia de polícia.”

Dos 14 municípios da Metropolitana, 13 possuem Farmácias Amigas das Mulheres,na região:

- Eldorado do Sul (Associadas / Agafarma)

- Guaíba (Associadas / Agafarma / Preço Mais Popular/ Tchê Farmácias)

0 visualização

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Receba nossas atualizações

51 99616 7059

  • Branca Ícone Instagram
  • arroba

© 2020 by Bittencourt Branding | Nova Folha Regional | All Rights Reserved